Governo do Paraná pretende plantar 10 milhões de árvores em 2024

O Paraná celebrou um aumento significativo na cobertura verde em 2023, resultado dos esforços do Instituto Água e Terra (IAT). A entrega de 1.850.427 mudas de espécies nativas em todo o estado representou um incremento de 6% em relação a 2022, marcando o maior volume desde o início do programa Paraná Mais Verde em 2019. Com um histórico de superar a marca de 9,3 milhões de mudas de árvores nos últimos cinco anos, o Paraná agora mira o plantio de 10 milhões de mudas até o próximo semestre.

O aumento expressivo em 2023 é atribuído a vários fatores, incluindo parcerias estratégicas com organizações como a ONG Mater Natura e a rede global Rotary. Além disso, o incremento nas ações de fiscalização ambiental e o aumento nos processos de licenciamento ambiental no Paraná contribuíram para a identificação e correção de crimes de desmatamento, impulsionando a demanda por mudas.

Mauro Scharnik, gerente de restauração ambiental do IAT, destaca que uma parcela significativa das autorizações ambientais e penalidades por supressão vegetal emitidas pelo instituto incluem como condicionante o replantio com plantas nativas do estado, fornecidas em grande parte pelo próprio instituto. Essas mudas são essenciais para a regularização de imóveis rurais, restauração de Áreas de Preservação Permanente (APPs) e reservas ilegais, cumprimento de condicionantes de licenciamento ambiental, ações de plantio urbano e atendimento a infrações ambientais.

Segundo a diretoria de Patrimônio Natural do IAT, os núcleos regionais de Curitiba, Guarapuava e Campo Mourão lideraram a distribuição, respondendo por 30% do total de plantas. Antecipando o cronograma, a previsão é que o Paraná alcance a marca de 10 milhões de mudas distribuídas até junho deste ano.

Viveiros e Laboratórios: A Força por Trás do Reflorestamento

As mudas cruciais para o reflorestamento do Paraná são cultivadas nos 19 viveiros florestais e nos dois laboratórios de sementes do IAT. Com a produção de plantas de mais de 100 espécies diferentes, incluindo 25 ameaçadas de extinção, como a araucária (Araucaria angustifolia) e a imbuia (Ocotea porosa), esses centros desempenham um papel vital na preservação da biodiversidade.

Os viveiros estão estrategicamente localizados em várias regiões do estado, incluindo São José dos Pinhais, Engenheiro Beltrão, Salgado Filho, Cascavel, Cornélio Procópio, Guarapuava, Fernandes Pinheiro, Ivaiporã, Jacarezinho, Morretes, Ibiporã, Mandaguari, Pato Branco, Tibagi, Pitanga, Paranavaí, Toledo, Umuarama e Paulo Frontin. Os laboratórios de sementes estão sediados em São José dos Pinhais e Engenheiro Beltrão.

Como Solicitar e Participar do Programa Paraná Mais Verde

Os interessados em contribuir para o verde do Paraná podem solicitar mudas por meio digital, utilizando o aplicativo Paraná Mais Verde disponível na Play Store (para modelos Android) e na App Store (para modelos iOS). Para pedidos de até 100 mudas por ano, o requerimento é aprovado automaticamente, permitindo que as plantas sejam retiradas diretamente no viveiro escolhido. Caso o pedido seja superior a 100 mudas, ele seguirá para análise e aprovação de um técnico do IAT.

Uma alternativa é registrar a solicitação através do Sistema de Gestão Ambiental (SGA), que permite a requisição de mudas nativas e consultas relacionadas ao pedido pela internet através do endereço www.sga.pr.gov.br. Após a solicitação, o IAT analisará o pedido, e, se aprovado, as informações do local de retirada das mudas e a documentação necessária serão enviadas ao requerente.

Paraná Mais Verde: Consciência Ambiental e Desenvolvimento Sustentável

O programa Paraná Mais Verde, iniciado em 2019, busca despertar a consciência ambiental e promover o desenvolvimento sustentável nos âmbitos ambiental, econômico e social. A produção e plantio de árvores nativas em áreas urbanas e rurais são fundamentais para recuperar áreas degradadas e melhor arborizar regiões. O programa também incentiva a população a cultivar árvores, contribuindo para o equilíbrio climático.

Com os números crescentes de mudas distribuídas e o comprometimento do governo do Paraná, o Paraná Mais Verde se consolida como uma iniciativa essencial para a preservação do meio ambiente, a promoção da biodiversidade e o fomento ao desenvolvimento sustentável no estado. O compromisso de alcançar 10 milhões de mudas plantadas neste semestre demonstra o empenho contínuo do Paraná em construir um futuro mais verde e sustentável.